Assinatura RSS

A saudade nos faz parar pra pensar

Publicado em

Confesso que hoje eu não tinha intenção de fazer um post (a não ser o da música, que coloquei mais cedo), mas a saudade que eu estou da minha casa, dos meus pais, me fez mudar de ideia.

Quando eu resolvi fazer faculdade, me mudei para casa de minha irmã, isso todo mundo sabe. Ela acabava cuidando de mim assim como minha mãe cuidava. Almoço na mesa na hora certa, café da tarde, roupas lavadas… Só que aí o destino quis me colocar pra morar sozinha, eu fui tola o suficiente pra achar que seria fácil, que eu me acostumaria rapidamente e que, enfim, poderia  fazer as coisas do meu  jeito.

Tudo lindo até aí, morei 8 meses em uma república, não deu certo! (não vou falar os motivos, não vale mais à pena). E aí o destino se encarregou a mudar minha vida completamente de novo. Fui morar com meu Noivo. Não contente, o bendito destino agiu novamente, me mandou pra Rio Preto (interior de São Paulo) com o Noivo (mudança de emprego dele).

Ok! Contudo, estava tudo indo bem (na verdade está). De repente passei a ter a MINHA casa, um casamento (mesmo sem cerimônias e tudo mais, torna-se um casamento, não adianta exitarmos). E é tão gostoso o que eu tenho vivido. É tão feliz!

Mas aí eu paro e percebo a falta que a mãe da gente faz. Nunca na vida terei novamente aquele almoço delicioso, caprichado em cima de uma mesa às 11:30, me esperando. Também nunca mais aparecerá um bolo de fubá, de cenoura, laranja ou chocolate como num passe de mágica em cima do fogão de casa. Eu sinto falta disso!

Agora a responsabilidade é toda minha. Se eu sinto vontade de qualquer coisa, é preciso fazer.

A minha vida de “casada” tem sido deliciosa, posso até dizer “melhor impossível”. Mas é diferente, é preciso uma adaptação. Acima de tudo, é preciso lembrar TUDO o que a minha mamãe já fez pra mim e por mim um dia. Sim, pq sem lembrar de tudo que ela fez, sem agradecer, sentir orgulho ou qualquer outro sentimento de gratidão, eu já teria desistido faz tempo.

Eu tô contando as semanas, dias, segundos no dedo pra eu chegar em Ubatuba, na casa dos meus pais. Aquela terra me espera, meus pais me esperam!

Deixo um beijo pra todos!

 

Anúncios

Sobre lauralaurinha

20 anos, nascida na praia, apaixonada pelo Namorado, estudante de Biologia!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s